Riscos ocupacionais que trabalhadores de centrais de materiais esterilizados estão expostos: principais desafios

Authors

  • Helena Vilela da Cunha
  • Thamara Machado e Silva

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv21n8-103

Keywords:

riscos ocupacionais, departamento central de suprimentos estéreis, prevenção de acidentes, saúde do trabalhador

Abstract

O presente trabalho objetivou encontrar na literatura os principais desafios que os profissionais da saúde enfrentam diante os riscos ocupacionais dos Centros de Material Esterilizado. Metodologicamente foi realizado uma revisão sistemática utilizando os descritores em ciências da saúde “Riscos ocupacionais, departamento central de suprimentos estéreis, prevenção de acidentes e saúde do trabalhador’’ com o operador booleano “AND’’. A busca ocorreu nas bases de dados da Biblioteca Virtual em Saúde, Medline/Pubmed e Embase. Foram selecionados trabalhos publicados entre os anos de 2012-2022. Após extração do quantitativo de artigos que abordassem os critérios de inclusão e exclusão foi realizado a leitura de 17 artigos na íntegra, onde foram registradas informações relacionadas aos estudos em uma planilha de Excel e logo após a categorização dos resultados por meio de tabelas. Compuseram o corpus dessa pesquisa 17 artigos que retratam os desafios frente aos riscos ocupacionais de CME. Em relação ao ano tiveram 2 artigos publicados em cada ano de 2012, 2014, 2018 e 2021; o ano de 2015 contou com 3 publicações, os anos de 2017 e 2019 foram contemplados com uma publicação e 2020 com 4. Conclui-se que os principais desafios que os profissionais da saúde enfrentam diante os riscos ocupacionais dos Centros de Material Esterilizado estão relacionados aos acidentes biológicos e riscos físicos que os profissionais estão expostos diariamente. Além disso a falta de infraestrutura e de recursos colabora para as nuances laborais e todos esses desafios contribuem para o desenvolvimento de problemas psicossociais.

References

BUGS, T. V. et al. Perfil da equipe de enfermagem e percepções do trabalho realizado em uma central de materiais. REME rev. min. enferm, Belo Horizonte, p. 1–8, 2017. Disponível em: http://www.revenf.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-27622017000100206&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 11 jul. 2023.

CARVALHO, H. E. F. et al. Nursing Professionals’ Perspective on Occupational Risks and Work Accidents in The Sterilization and Materials Processing Center. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online, Rio de Janeiro, v. 11, n. 5, p. 1161–1166, 2019. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/6930. Acesso em: 11 jul. 2023.

CARVALHO, R. Psicoterapia no ambiente de trabalho. Edools, [s. l.], 2019.

ESPINDOLA, M. C. G.; FONTANA, R. T. Riscos ocupacionais e mecanismos de autocuidado do trabalhador de um centro de material e esterilização. Revista Gaúcha de Enfermagem, Rio Grande do Sul, v. 33, n. 1, p. 116–123, 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-14472012000100016&lng=pt&tlng=pt. Acesso em: 5 nov. 2022.

IPIRANGA, J. M.; DE AZEVEDO, A. P.; IWATA, J. K. Profile of occupational accidents in a hospital in Manaus, state of Amazonas. Revista Brasileira de Medicina do Trabalho, São Paulo, v. 19, n. 2, p. 201–208, 2021. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC8447633/. Acesso em: 11 jul. 2023.

MEDEIROS, N. M.; SCHNEIDER, D. S. dos S.; GLANZNER, C. H. Central de Equipos y Esterilización: riesgos psicosociales relativos a organización prescrita del trabajo de enfermería. Revista Gaúcha de Enfermagem, Rio Grande do Sul, v. 42, p. e20200433, 2021. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rgenf/a/TQ75P9JqXkmKFJQHgnsq4mn/abstract/?lang=es. Acesso em: 11 jul. 2023.

SILVA, M. C. de A. Queixas osteomusculares, fatores de riscos psicossociais e organizacionais que afetam a saúde dos profissionais de enfermagem da central de materiais e esterilização de um hospital universitário. 2018. 211 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2018. Disponível em: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/32141. Acesso em: 11 jul. 2023.

SOBECC. Diretrizes de práticas em enfermagem perioperatória e processamento de produtos para a saúde. 8. ed. São Paulo: Associação Brasileira de Enfermeiros de Centro Cirúrgico. Recuperação Anestésica e Centro de Material e Esterilização, 2021.

SOUSA, P. H. S. F. et al. Estresse psicológico nos profissionais de enfermagem. Journal of Health Connections, [s. l.], v. 9, n. 2, 2020. Disponível em: http://periodicos.estacio.br/index.php/journalhc/article/view/8272. Acesso em: 11 jul. 2023.

TIPPLE, A. F. V. et al. Equipamentos de proteção em centros de material e esterilização: disponibilidade, uso e fatores intervenientes à adesão. Ciências, cuidado & saúde, São Paulo, p. 441–448, 2007. Disponível em: http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/CiencCuidSaude/article/view/3877/2681. Acesso em: 11 jul. 2023.

Published

2023-08-25

How to Cite

da Cunha, H. V., & e Silva, T. M. (2023). Riscos ocupacionais que trabalhadores de centrais de materiais esterilizados estão expostos: principais desafios. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 21(8), 9758–9770. https://doi.org/10.55905/oelv21n8-103

Issue

Section

Articles