Cidades médias-polo de Minas Gerais: caminhos e dinâmicas

Authors

  • Raíssa Cota Pales
  • Gilmar Ribeiro dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv22n2-249

Keywords:

desenvolvimento, cidades médias, Minas Gerais

Abstract

Este artigo tem como objetivo fazer uma retomada histórica da trajetória de desenvolvimento percorrida por estas três cidade e analisar a realidade socioeconômica que estas cidades se encontram atualmente, abordando o protagonismo dessas cidades em seus respectivos territórios. Apesar de ter partido de patamares e com estratégias diferentes, essas três cidades médias de Minas Gerais, que viraram polos em seus respectivos territórios, experimentaram, na década de 1970, o mesmo fenômeno: os investimentos em Montes Claros, Uberlândia e Juiz de Fora fizeram parte dos planos do II PND para desconcentrar a atividade industrial das grandes metrópoles. Para atingir o objetivo proposto foi necessário articular diferentes estratégias de coleta de dados e informações que proporcionaram análise e interpretação condizentes com a problemática em foco. Foi imperativo conjugar a pesquisa bibliográfica e de dados secundários. O levantamento de dados secundários foi importante para analisar a dinâmica das cidades médias atualmente e a pesquisa bibliográfica complementou a coleta de informações, pois possibilitou o acesso ao histórico de desenvolvimento dessas cidades.

References

BASTOS, Suzana Quinet de Andrade. Reflexões sobre o desenvolvimento local: a partir da análise do processo de industrialização de Juiz de Fora (MG). Juiz de Fora. 2007. Disponível em: www.ufjf.br. Acesso em: 28 de nov. 2019.

BASTOS, Suzana Quinet de Andrade. Juiz de Fora: análise do desenvolvimento industrial e dos desafios colocados pela implantação da Mercedes-Benz. X SEMINÁRIO SOBRE A ECONOMIA MINEIRA. 2002. Disponível em: www.cedeplar.ufmg.br. Acesso em: 28 nov. 2019.

BASTOS, Suzana Quinet de Andrade. Juiz de Fora: análise do desenvolvimento industrial e dos desafios colocados pela implantação da Mercedes-Benz. X SEMINÁRIO SOBRE A ECONOMIA MINEIRA. 2016. Disponível em: http://www.gdimata.com.br/wp-content/uploads/2016/04/Analise-do-desenvolvimento-industiral.pdf. Acesso em: 15 nov. 2019.

BESSA, Kelly. A dinâmica rede urbana no Triângulo Mineiro: convergências e divergências entre Uberaba e Uberlândia. Uberlândia: Composer, 2007. p. 348.

disponíveis em: www.ibge.gov.br. Acesso em: 25 jun. 2019.

BRANDÃO, Carlos Antônio. Triângulo: capital comercial, geopolítica e agroindustrial. 1989, 184 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Planejamento Regional) UFMG, Belo Horizonte, 1989.

FERRARO, Alceu Ravanello. Analfabetismo no Brasil: desconceitos e políticas de exclusão. Perspectiva, Florianópolis, v. 22, nº 01, p. 111-126, jan./jun. 2004. Disponível em: file:///D:/Downloads/ferraro%20(1).pdf. Acesso em: 21 set. 2019.

FIGUEIREDO, Vítor Fonseca. Coronelismo, ferrovia e modernização das relações urbanas: Montes Claros/MG na Primeira República (1889-1930). ANAIS DO XIX ENCONTRO REGIONAL DE HISTÓRIA. 2014. Disponível em: www.encontro2014.mg.anpuh.org. Acesso em: 09 dez. 2018.

GENOVEZ. A viagem enquanto forma de poder: a viagem de Pedro II e a inauguração da rodovia União e Indústria, em 1861. Tempo, Rio de janeiro, Vol. 3, n° 5, 1998, pp. 161-180. Disponível em: https://locus.ufjf.emnuvens.com.br/locus/article/viewFile/2908/2260. Acesso em: 15 out. 2018.

MARTINS, Humberto de Paula. Formação e desenvolvimento sócio-econômico do Triângulo Mineiro. Vária História, Belo Horizonte, nº 19, p. 164-182, nov. 98. Disponível em: https://static1.squarespace.com/static/561937b1e4b0ae8c3b97a702/t/5724a80e01dbaedc4e8ff243/1462020113078/8_Martins%2C+Humberto+E.+de+Paula.pdf. Acesso em: 04 mar. 2019.

MESQUITA, Fernando; ANDREOZZI, Sylvio Luiz. A indústria e o espaço urbano na cidade de Uberlândia no contexto da desconcentração industrial. Disponível em: www.observatoriogeograficoamericalatina.org.mx. Acesso em: 03 mar. 2019.

PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de; et al. A região Mineira do Nordeste. XVIII ENCONTRO NACIOANL DE GEOGRAFIA AGRÁRIA. Rio de Janeiro. 2006.

RELATÓRIO DE PESQUISA. O lugar das políticas sociais: o nível municipal, articulação interníveis e capacidade de inovação em municípios selecionados de Minas Gerais e São Paulo, 2016.

RICARDO, Claudinei dos Santos; ALEIXO, Aline Chelone Maia; OLIVEIRA, Ricardo dos Santos. Movimento pendular em cidades médias: a centralidade de Montes Claros no Norte de Minas a partir da infraestrutura de transportes. ANAIS DO XVI ENCONTRO NACIONAL DE GEÓGRAFOS: Crise, práxis e autonomia: espaços de resistência e de esperanças. Porto Alegre, 2010. (MOURA, et al, 20057

SANTOS JÚNIOR, Liderau dos; OLIVEIRA, Marques Cristiano Aguiar de; LAGEMANN, Eugênio. Federalismo fiscal brasileiro: problemas, dilemas e as competências tributárias. Revista da Associação Mineira de Direito e Economia, p. 12-59, 2013. Disponível em: http://repositorio.furg.br/bitstream/handle/1/5614/88-760-1-PB.pdf?sequence=1. Acesso em: 22 mai. 2019.

SINDEAUX, Roney Versiani; FERREIRA, Cândido Guerra. Industrialização e trabalho na indústria no Norte de Minas: origens, Sudene e reflexões sobre o perfil recente dos trabalhadores formais ocupados. 2012. Disponível em: https://diamantina.cedeplar.ufmg.br/portal/download/diamantina-2012/industrializacao_e_trabalho_na_industria_no_norte_de_minas.pdf. Acesso em: 22 mar. 2019.

SERVIÇO DE DOCUMENTAÇÃO, 1958. Disponível em: file:///C:/Users/Usu%C3%A1rio/Downloads/Programa%20de%20Metas%20do%20Presidente%20Puscelino%20Kubitschek%20V1%201950_PDF_OCR.pdf Acesso em: 13 de ago. 2018.

www.cidades.ibge.gov.br

www.atlasbrasil.org.br.

www.uberlandia.mg.gov.br

Published

2024-02-29

How to Cite

Pales, R. C., & dos Santos, G. R. (2024). Cidades médias-polo de Minas Gerais: caminhos e dinâmicas. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 22(2), e3529. https://doi.org/10.55905/oelv22n2-249

Issue

Section

Articles

Most read articles by the same author(s)