Assessment of the compliance of a hospital pharmacy with the pharmaceutical assistance requirements of the national accreditation organization

Authors

  • Carlos Roberto Ferreira Pereira
  • Camila Guimarães Polisel

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv22n2-118

Keywords:

health care quality, patient safety, hospital accreditation, pharmaceutical care, hospital pharmacy service

Abstract

Introduction: Accreditation of health services is carried out on the basis of pre-established criteria and standards for the continuous improvement of quality and safety. Objective: To assess the compliance of a hospital pharmacy with the requirements of Level 1 Pharmaceutical Assistance of the National Accreditation Organization (ONA). Methods: This was a quantitative and cross-sectional study, carried out in the pharmacy of a public hospital in Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil. The 34 total requirements and 05 priority requirements (CORE) of the ONA Manual were assessed through individual interviews and evidence analysis. Each requirement was rated and scored on: Exceeds (1.2 points), Conforms (1.0 points), Partially Conforms (0.5 points) and Non Conforms (0 points). Compliance was calculated by averaging the requirements scores, multiplied by 100. Results: The hospital pharmacy presented 77.58% of compliance in relation to the total requirements Level 1 and 84.00% in relation to the CORE requirements. Of the total, 61.76% of the requirements were classified as Exceeding or Conforming, 23.53% as Partially Conforming and 11.76% as Non-Conforming. Conclusion: ONA sets minimum compliance standards of 80.00% (total requirements) and 90.00% (CORE) for accreditation. The institution's hospital pharmacy did not meet the minimum standards required. It is suggested that the identified shortcomings could provide an opportunity for the formulation of intervention strategies aimed at the continuous improvement of processes and results, contributing to the advancement in the quality of the services provided.

References

DONABEDIAN, A. Explorations in Quality Assessment and Monitoring: The Defi-nition of Quality and Approaches to Its Assessment. v. 1. Estados Unidos: Health Ad-ministration Press, 1980.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. Quality of care: a process for making strategic choices in health systems. Geneva: World Health Organization, 2006. E-book. Disponí-vel em: https://iris.who.int/handle/10665/43470. Acesso em: 10 nov. 2023.

KOHN, L. T. et al. To err is human. Washington: National Academy Press, 2000. E-book. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK225182/. Acesso em: 12 ago. 2023.

CORRIGAN, J. M. et al. Crossing the quality chasm: a new health system for the 21st century. Washington: National Academy Press, 2001. E-book. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK222274/. Acesso em: 12 dez. 2023.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. World Alliance for Patient Safety: Forward Programme. Genebra: World Health Organization, 2004. E-book. Disponível em: https://www.who.int/publications/i/item/9241592443. Acesso em: 12 ago. 2023.

ORGANIZAÇÃO NACIONAL DE ACREDITAÇÃO. O que é acreditação. São Paulo, 2019. Disponível em: https://www.ona.org.br/acreditacao/o-que-e-acreditacao/. Acesso em: 22 ago. 2023.

CRUZ, P. G.; LOLATO, G. Manual para organizações prestadoras de serviço de saúde - OPSS: roteiro de construção do manual brasileiro de acreditação ONA 2022. Brasília: Organização Nacional de Acreditação, 2021. E-book. Disponível em: https://www.ona.org.br/uploads/Edicao_Comemorativa_Manual_OPSS_2022_-_Roteiro_de_Construcao_do_Manual_Brasileiro_0.pdf. Acesso em: 22 nov. 2023.

BRASIL. RDC Nº 12, de 26 de janeiro de 2004. Aprovar o Manual Brasileiro de Acre-ditação de Organizações Prestadoras de Serviços Hospitalares - 4ª Edição. Diário Ofici-al da União, Brasília, DF, 2004. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/anvisa/2004/rdc0012_26_01_2004.html. Acesso em: 22 ago. 2023.

BRASIL. Portaria nº 529, de 1º de abril de 2013. Institui o Programa Nacional de Segu-rança do Paciente (PNSP). Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2013. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2013/prt0529_01_04_2013.html. Acesso em: 21 ago. 2023.

BRASIL. RDC nº 36, de 25 de julho de 2013. Institui ações para a segurança do pacien-te em serviços de saúde e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2013. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/anvisa/2013/rdc0036_25_07_2013.html. Acesso em 22 ago. 2023.

ORGANIZAÇÃO NACIONAL DE ACREDITAÇÃO. Manual Brasileiro de Acredi-tação: Organizações Prestadoras de Serviço de Saúde - Versão 2022. São Paulo: Orga-nização Nacional de Acreditação, 2021. E-book.

RAMOS, P. T. F. et al. Requisitos da Organização Nacional de Acreditação relacionados à qualidade e segurança do paciente em uma unidade de internação. Conjecturas, [s. l.], v. 22, n. 16, p. 1084-1100, dez. 2022. DOI https://doi.org/10.53660/CONJ-2086-2U14. Disponível em: https://conjecturas.org/index.php/edicoes/article/view/2086. Acesso em: 13 fev. 2023.

TASHAYOEI, N.; RAEISSI, P.; NASIRIPOUR, A. A. Challenges of implementation of hospital accreditation in Iran: an exploratory factor analysis. Journal of the Egyptian Public Health Association, [s. l.], v. 95, n. 5, p. 1-10, Feb. 2020. DOI https://doi.org/10.1186/s42506-019-0033-6. Disponível em: https://jepha.springeropen.com/articles/10.1186/s42506-019-0033-6. Acesso em: 02 jun. 2023.

BANDEIRA, J. A. A.; BANDEIRA, M. A. Gestão hospitalar: os desafios na implantação com qualidade. Revista Científica do UBM, Barra Mansa, v. 23, n. 44, p. 103-114, jan. 2021. DOI https://doi.org/10.52397/rcubm.v23i44.871. Disponível em: https://revista.ubm.br/index.php/revistacientifica/article/view/871. Acesso em: 25 ago. 2023.

BRASIL. Portaria nº 4.283, de 30 de dezembro de 2010. Aprova as diretrizes e estraté-gias para organização, fortalecimento e aprimoramento das ações e serviços de farmácia no âmbito dos hospitais. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2010. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2010/prt4283_30_12_2010.html. Acesso em 20 nov. 2023.

BRASIL. Resolução nº 338, de 06 de maio de 2004. Aprova a Política Nacional de Assistência Farmacêutica. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2004. Disponível em:

https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/cns/2004/res0338_06_05_2004.html. Acesso em: 23 nov. 2023.

BOUÇAS, E. et al. Acreditação no âmbito da assistência farmacêutica hospitalar: uma abordagem qualitativa de seus impactos. Revista de Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 28, n. 3, p. e280317, 2018. DOI http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312018280317. Disponível em: https://www.scielo.br/j/physis/a/pkSCtznBVHypChNn5xnRfhd/?lang=pt. Acesso em: 13 maio 2023.

SILVA, A. et al. Estado da arte sobre acreditação hospitalar no Brasil: um ensaio teórico apoiando o ensino. Revista de Gestão e Secretariado, [s. l.], v. 14, n. 10, p. 16756-16768, out. 2023. DOI http://doi.org/10.7769/gesec.v14i10.2580. Disponível em: https://ojs.revistagesec.org.br/secretariado/article/view/2580. Acesso em: 13 nov. 2023.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL. Humap-UFMS/Ebserh supera metas do Plano de Melhoria da Qualidade 2021. Campo Grande, 2022. Disponível em: https://www.ufms.br/humap-ufms-ebserh-supera-metas-do-plano-de-melhoria-da-qualidade-2021/. Acesso em: 20 nov. 2023.

MANZO, B. F.; BRITO, M. J. M.; CORRÊA, A. R. Implicações do processo de Acreditação Hospitalar no cotidiano de profissionais de saúde. Revista da Escola de Enfermagem da USP, São Paulo, v. 46, n. 2, p. 338-394, abr. 2012. DOI https://doi.org/10.1590/S0080-62342012000200017. Disponível em: https://www.scielo.br/j/reeusp/a/stPbT8qyFdyQdnnhsh8ygpy/?lang=pt. Acesso em: 21 nov. 2023.

BRASIL. Documento de referência para o Programa Nacional de Segurança do Paciente. Brasília: Ministério da Saúde, 2014. E-book. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/documento_referencia_programa_nacional_seguranca.pdf. Acesso em: 20 ago. 2023.

AMORIM, A. S.; JUNIOR, V. L. P., SHIMIZU, H. E. O desafio da gestão de equipamentos médico-hospitalares no Sistema Único de Saúde. Saúde em debate, Rio de Janeiro, v. 39, n. 105, p. 350-632, abr./jun. 2015. DOI https://doi.org/10.1590/0103-110420151050002004. Disponível em: https://www.scielo.br/j/sdeb/a/qC47HhQvDKKBhpT5hfXcJdC/?lang=pt. Acesso em: 21 nov. 2023.

COSTA, C. A. N.; COSTA, D. S. B. A importância de um plano de contingência na farmácia hospitalar frente a pandemia pelo novo coronavírus. Research, Society and Development, Vargem Grande Paulista, v. 10, n. 7, p. e59610717098, jun. 2021. DOI https://doi.org/10.33448/rsd-v10i7.17098. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/17098. Acesso em: 21 nov. 2023.

CARNEIRO, A. L. C. et al. Reconciliação medicamentosa na admissão e orientação farmacêutica na alta em um hospital de pequeno porte no Paraná: um estudo prospectivo. Revista de Ciências Médicas e Biológicas, Salvador, v. 22, n. 2, p. 283-291, set. 2023. DOI https://doi.org/10.9771/cmbio.v22i2.54184. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/cmbio/article/view/54184. Acesso em: 21 nov. 2023.

LIMA, R. F. et al. Avaliação de serviços farmacêuticos na gestão de risco no uso de medicamentos em hospitais públicos do Distrito Federal, Brasil. Vigilância Sanitária em Debate, Rio de Janeiro, v. 8, n. 2, p. 84-93, maio 2020. DOI https://doi.org/10.22239/2317-269X.01415. Disponível em: https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/1415. Acesso em: 21 nov. 2023.

BRASIL. Portaria nº 1.820, de 13 de agosto de 2009. Dispõe sobre os direitos e deveres dos usuários da saúde. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2009. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2009/prt1820_13_08_2009.html. Acesso em: 18 ago. 2023.

ZUCCHETTI, M. et al. Validação de manual para complementar a transição de cuidados na alta da terapia intensiva. Revista Gaúcha de Enfermagem, Porto Alegre, v. 43, n. spe, p. 20220142, nov. 2022. DOI https://doi.org/10.1590/1983-1447.2022.20220142.pt. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rgenf/a/hqp8mJpfXbQS9ZWcptfmCdw/?lang=pt. Acesso em: 22 nov. 2023.

AMORIM, H. S.; SANTOS, E. S. Importância do farmacêutico na alta hospitalar qualificada: Revisão integrativa. Research, Society and Development, Vargem Grande Paulista, v. 12, n. 11. p. e93121143697, out. 2023. DOI http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v12i11.43697. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/43697. Acesso em: 22 nov. 2023.

Published

2024-02-16

How to Cite

Pereira, C. R. F., & Polisel, C. G. (2024). Assessment of the compliance of a hospital pharmacy with the pharmaceutical assistance requirements of the national accreditation organization. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 22(2), e3266. https://doi.org/10.55905/oelv22n2-118

Issue

Section

Articles

Most read articles by the same author(s)