Learning narratives: the paths of adults in short-term higher education

Authors

  • Cristhiane Lopes Borrego
  • Adriana Barroso de Azevedo

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv22n2-044

Keywords:

narrative research, teaching-learning, higher technology course

Abstract

This article presents an outline of the research work carried out on the formation in the Higher Courses of Technology (CST) in relation to the search for graduation from the perspective of students entering the CST/Gastronomy of a private college in the city of São Paulo. This text aims to identify the motivations for entering the CST in emerging contexts and to answer the question about the needs of the learner for professional qualification. The research methodology adopted was qualitative in nature and investigative in the narrative mode. As a result, the discussion of learning is established from the student point of view, respecting the human formation of individuals in the search for an education that constitutes a socially inclusive process.

References

ARAÚJO, A.M. Sucesso no Ensino Superior: Uma revisão e conceptualização. Revista de Estudios e Investigación, 2017, Vol. 4, Nº 2, P. 132-141. Disponível em: https://revistas.udc.es/index.php/reipe/article/view/reipe.2017.4.2.3207. Acesso em: 12 out.2020.

BORREGO, C. L. A Formação nos Cursos Superiores de Tecnologia: um estudo das narrativas discentes. 2020. 138 folhas. Dissertação (Educação) - Universidade Metodista de São Paulo, São Bernardo do Campo.

CLANDININ, D.J.; CONNELLY, F.M. Pesquisa Narrativa: experiências e história na pesquisa qualitativa; tradução: Grupo de Pesquisa Narrativa e Educação de Professores ILEEL/UFU. – 2ª edição rev. – Uberlândia, 2015.

FERRAROTTI, F. Sobre a autonomia do método biográfico. O método (auto)biográfico e a formação. Organização António Nóvoa; Matthias Finger. Natal, RN : EDUFRN; São Paulo : Paulus, 2010.

JOSSO, M.C. As experiências ao longo das quais se formam identidades e subjetividades. Experiências de vida e formação. Tradução José Claudino e Júlia Ferreira, adaptação à edição brasileira Maria Vianna – São Paulo : Cortez, 2004.

MACHADO, L.R. Diferenciais inovadores na formação de professores para a educação profissional. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica / Ministério da Educação, Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. v. 1, n. 1 (jun. 2008 - ). Brasília: MEC, SETEC, 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf3/rev_brasileira.pdf. Acesso em: 27 jul. 2020.

PASSEGGI, M.C. Narrar é humano! Autobiografar é um processo civilizatório. Invenções de vidas, compreensão de itinerários e alternativas de formação. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010.

PETEROSSI, H.G. A gestão dos cursos de tecnologia: rupturas e continuidades. Centro Estadual de Educação Tecnológica, 2003 - cetrans.com.br. Disponível em http://cetrans.com.br/assets/artigoscongresso/Helena_Gemignani_Peterossi.pdf. Acesso em: 27 jul. 2020.

PETEROSSI, H.G. Subsídios ao estudo da Educação Profissional e Tecnológica. São Paulo : Ceeteps, 2014.

PINEAU, G. A autoformação no decurso da vida: entre a hetero e a ecoformação. O método (auto)biográfico e a formação. Organização António Nóvoa; Matthias Finger. Natal, RN : EDUFRN; São Paulo : Paulus, 2010.

ROSETTI JUNIOR, H.; SCHIMIGUEL, J. Histórico e Contexto Econômico dos Cursos Superiores de Tecnologia no Brasil. Observatorio de la Economía Latinoamericana, Número 152, 2011. Disponível em: https://www.eumed.net/cursecon/ecolat/br/11/rjs.htm. Acesso em: 02 mar. 2020.

Published

2024-02-08

How to Cite

Borrego, C. L., & de Azevedo, A. B. (2024). Learning narratives: the paths of adults in short-term higher education. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 22(2), e3140. https://doi.org/10.55905/oelv22n2-044

Issue

Section

Articles