A família romana, seus usos e costumes em face dos direitos de personalidade diante de seus membros

Authors

  • Vitor Hugo Kutelak de Oliveira
  • José Sebastião de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv22n1-038

Keywords:

direto romano, direito da personalidade, pater família, a família romana antiga

Abstract

Neste artigo será analisado a família romana antiga e seus Direitos, fazendo uma breve introdução sobre seus integrantes, e também examinando os Direitos da Personalidade inserido nesse contexto. Após está introdução será feito um estudo sobre a família romana, seus comportamentos e regras como sua constituição pelo casamento, a família, trabalho e poderes. Neste momento, entra a figura do “paterfamília” que detém todo poder sobre sua família, em vários momentos até com o Direito de vida e morte sobre quem pertence ao seu grupo familiar. Deste modo, necessário analisar como viviam e se comportavam tais família e como estavam amparadas juridicamente, observando como viviam e quais referencias desse formato familiar influenciam a sociedade atual. A pesquisa é qualitativa com pesquisa bibliográfica. Com o objetivo de entender o funcionamento e o direito do cidadão e da família romana antiga.

References

ALVES, José Carlos Moreira. Direito romano. 6. ed. Rio de Janeiro: Forense, 2003, v.1. Direito romano. 6. ed. Rio de Janeiro: Forense, 2003, v.2.

BONFANTE, Pietro. Corso di Diritto Romano. v. 1, Sampaolesi, Roma, 1925, pp. 187 e ss.

DA SILVA, Lorena Pantaleão. Antiguidade Clássica: Grécia, Roma e seus reflexos nos dias atuais. Curitiba: Editora Intersaberes, 2017.

DIAS, Paula Barata. A influência do Cristianismo no conceito de casamento e de vida privada na Antiguidade Tardia. Universidade de Coimbra. Editora Ágora. Estudos Clássicos em Debate 6 (2004). Acesso em 30/09/2023. Disponível em: file:///home/escola/Downloads/11457-Texto%20do%20Trabalho-21171-1-10-20200128.pdf.

FERNANDES, Walter. Segredos do Império Romano. 1.ed. Editora Camelot. Barueri/SP: 2016.

FIOREZE, Thomás Antônio Silva. IMPÉRIO ROMANO: Surgimento, ascensão e queda. Faculdade IBRA Santo Antônio do Grama, 2022. Disponível em: https://jornaltribuna.com.br/wp-content/uploads/2022/03/Artigo-Cientifico-Imperio-Romano-Surgimento-Ascensao-e-Queda-Thomas-A-S-Fioreze.pdf. Acesso em 04/10/2023

GIBBON, Edward. Declínio e Queda do Império Romano. São Paulo. Editora Companhia de Bolso, 2005.

JUSTO, A. S. Direito privado romano - 1: parte geral (Introdução. Relação Jurídica. Defesa dos Direitos). Coimbra. Coimbra Editora, 2000.

NASCIMENTO, Walter Vieira do. Lições de história do direito. 15. ed. Rio de Janeiro: Forense, 2004.

NOGUEIRA, Jenny Magnani de O. A instituição da família em A Cidade Antiga. In: WOLKMER, Antônio Carlos. Fundamentos de história do direito. 4. ed. Belo Horizonte: Del Rey, 2008.

PINHO, Leda de. A mulher no direito romano: noções históricas acerca de seu papel na constituição da entidade familiar. Revista Jurídica Cesumar, São Paulo, n.1, v.2, 2002.

RODRIGUES, Dárcio Roberto Martins. Aspectos de Interesse atual do matrimônio Romano. Revista USP. São Paulo, 1998. 1.ed. Acesso em 30/09/2023. Disponível em: file:///home/escola/Downloads/67400-Texto%20do%20artigo-88820-1-10-20131125.pdf

ROLIM, L. A. Instituições de direito romano. São Paulo: Revista dos Tribunais. 2000.

VENOSA, Sílvio de Sávio. Direito civil: direito de família. São Paulo: Atlas, 2001, v.5.

VÉRAS NETO, Francisco Quintanilha. Direito romano clássico: seus institutos jurídicos e seu legado. In: WOLKMER, Antônio Carlos. Fundamentos de história do direito. 4. ed. Belo Horizonte: Del Rey, 2008.

WALD, Arnoldo; DA FONSECA, Priscila M. P. Corrêa. DIREITO DE FAMÍLIA. 20a edição. Editora JusPodivm. Disponível em: https://www.editorajuspodivm.com.br/media/juspodivm_material/material/file/JMA0057-Degustacao_Prov.pdf. Acesso em 04/10/2023.

Published

2024-01-16

How to Cite

de Oliveira, V. H. K., & de Oliveira, J. S. (2024). A família romana, seus usos e costumes em face dos direitos de personalidade diante de seus membros. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 22(1), 706–724. https://doi.org/10.55905/oelv22n1-038

Issue

Section

Articles