Historicidade e memória na cobertura jornalística do G1 RR sobre a imigração venezuelana na pandemia de Covid-19

Authors

  • Gersika do Nascimento Bezerra
  • Vângela Maria Isidoro de Morais

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv21n12-201

Keywords:

história, jornalismo, internet, imigração venezuelana, G1 roraima

Abstract

O artigo investiga o acontecimento histórico da imigração venezuelana em Roraima no portal G1 Roraima, por meio do registro dos fatos e da sua contribuição como importante fonte documental, na interface com a pandemia de Covid-19, que gerou um contexto ainda maior de instabilidades nos âmbitos político, governamental, de saúde pública, cultural e social. O estudo faz um levantamento das publicações no portal de notícias, no período de março de 2020 a março de 2021, buscando os enquadramentos usados pela mídia ao tema da imigração, e uma análise comparativa da cobertura jornalística do veículo sobre o tema em 2018, pré-pandemia. A metodologia utilizada constitui-se de pesquisas documental e bibliográfica, combinadas às análises empírica e de conteúdo do material coletado.

References

BAUMAN, Zygmunt. Vida Líquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2007.

BAENINGER, Rosana. Migrações internacionais e a pandemia de Covid-19: mudanças na era da migração. In: BAENINGER, Rosana; VEDOVATO, Luís Renato; NANDY, Shailen (Coord.). Migrações internacionais e Pandemia da Covid-19. Campinas, Nepo/Unicamp, 2020.

BARBOSA, Marialva. Uma história da imprensa (e do jornalismo): por entre os caminhos da pesquisa. Intercom, Revista Brasileira de Ciências da Comunicação. Vol. 41, nº.2, São Paulo May/Aug. 2018.

BERGSON, Henri. Da sobrevivência das imagens. A memória e o espírito. In: Matéria e memória: ensaio sobre a relação do corpo com o espírito. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

BEZERRA, Gersika e MORAIS, Vângela. Valores-notícia e critérios e noticiabilidade: a cobertura jornalística do G1 RR sobre a imigração venezuelana na pandemia e covi-19. In: Mobilidade humana na Pan-Amazônia: implicações teóricas e experiências empíricas / Marília Lima Pimentel Cotinguiba... [et al.]. – Boa Vista: Editora da UFRR, 2020.

BEZERRA, Gersika. MÍDIA E DIÁSPORA VENEZUELANA: Recepção dos leitores sobre a migração no G1 Roraima. Dissertação (Mestrado em Comunicação) – Programa de Pós-graduação Comunicação, Cultura e Amazônia, Universidade Federal do Pará. Belém, p. 187, 2020.

COGO, Denise; SILVA, Terezinha. Entre a fuga e a invasão: alteridade e cidadania

da imigração haitiana na mídia brasileira. Revista Famecos. Porto Alegre, v. 23, n. 1, janeiro, fevereiro, março e abril de 2016.

HALBWACHS, Maurice. Memória coletiva e memória individual; Memória coletiva e memória histórica. In: A memória coletiva. São Paulo: Centauro Editora, 2015.

OLIVEIRA, Maria Marly. Como fazer pesquisa qualitativa. Petrópolis: Vozes, 2007.

PALACIOS, M. (2011). Convergência e Memória: Jornalismo, Contexto e História. MATRIZes, 4(1), 37-50.

SCHWARTZ, Rosana; SCHAUN, Ângela. Questões historiográficas e metodológicas: historiadores e jornalistas coincidem, entretanto, não se confundem. 9º Encontro Nacional de História da Mídia, 30 de maio a 1º de junho de 2013, UFOP, Ouro Preto-MG.

SOUSA SANTOS, Boaventura. PARA ALÉM DO PENSAMENTO ABISSAL. Das linhas globais a uma ecologia de saberes. Novos Estudos, Novembro, 2007.

Published

2023-12-26

How to Cite

Bezerra, G. do N., & de Morais, V. M. I. (2023). Historicidade e memória na cobertura jornalística do G1 RR sobre a imigração venezuelana na pandemia de Covid-19. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 21(12), 27218–27229. https://doi.org/10.55905/oelv21n12-201

Issue

Section

Articles