A inovação tecnológica nos Institutos Federais: a proposta de uma ferramenta diagnóstica do nível de fomento à inovação e ao empreendedorismo na educação profissional

Authors

  • Arthur Feitosa Vieira Monteiro
  • Edilson Nolaço dos Santos
  • Tayson Ribeiro Teles

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv22n1-056

Keywords:

inovação tecnológica, institutos federais, fomento à geração de negócios, ferramenta de análise

Abstract

Neste artigo investiga-se o cenário dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia – IF’s em relação à Inovação Tecnológica e ao Empreendedorismo, refletindo sobre quais os desafios dessas instituições na criação e no fomento de negócios tecnológicos inovadores. Reflete-se sobre o conceito de Inovação Tecnológica e descrevem-se os principais desafios dos Institutos Federais quanto ao uso da Inovação Tecnológica para fomentar a criação ou o aperfeiçoamento de negócios tecnológicos inovadores nas comunidades em que se localizam. A pesquisa é aplicada, qualitativa, de exploração bibliográfica e documental, baseada nos métodos dedutivo e dialético. Os resultados demonstram que os Institutos Federais possuem prematuro nível de contribuição na geração de negócios tecnologicamente inovadores que surgem no Brasil. Ao fim, demonstramos uma ferramenta do tipo questionário-online, que foi desenvolvida para diagnosticar o nível de fomento à inovação e ao empreendedorismo nos IF’s.

References

BRASIL. Lei Federal n. 8.032/90, que “Dispõe sobre a isenção ou redução de impostos de importação, e dá outras providências”. Brasília: PR, 1990. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8032.htm. Acesso em: 04 set. 2023.

BRASIL. Lei Federal n. 8.745/1993, que “Dispõe sobre a contratação por tempo de-terminado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público”. Bra-sília: PR, 1993. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L8745cons.htm. Acesso em: 07 ago. 2023.

BRASIL. Lei Federal 9.609, de 1998, que “Dispõe sobre a proteção da propriedade intelectual de programa de computador, sua comercialização no País”. Brasília: PR, 1998. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9609.htm. Acesso em: 13 set. 2023.

BRASIL. Lei Federal n. 11.196/2005 (Institui o Regime Especial de Tributação para a Plataforma de Exportação de Serviços de Tecnologia da Informação – REPES). Brasília: PR, 2005.

BRASIL. Decreto Federal n. 7.423/2010 (Relações entre as instituições federais de ensino superior e de pesquisa científica e tecnológica e as fundações de apoio). Brasília: PR, 2010. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2010/Decreto/D7423.htm. Acesso em: 06 set. 2023.

BRASIL. Lei Federal n. 13.243/2016 (“Novo Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação do Brasil”). Brasília: PR, 2016. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2016/Lei/L13243.htm. Acesso em: 09 set. 2023.

BRASIL. Decreto Federal n. 10.534/2020 (Política Nacional de Inovação). Brasília: PR, 2020. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/decreto/D10534.htm. Acesso em: 19 ago. 2023.

BRASIL. Lei Complementar Federal n. 182/2021, que “Institui o marco legal das startups e do empreendedorismo inovador”. Brasília: PR, 2021. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/lcp/Lcp182.htm. Acesso em: 15 set. 2023.

BRASIL. Guia de orientações sobre instrumentos do marco legal de Ciência, Tecnologia e Inovação. Brasília: MCTI, 2022. Disponível em: https://www.gov.br/mcti/pt-br/acompanhe-o-mcti/noticias/2022/12/mcti-lanca-dois-guias-de-apoio-a-utilizacao-do-marco-legal-de-ciencia-tecnologia-e-inovacao/guia_de_orientacoes_sobre_instrumentos_marco_legal_cti_mcti.pdf. Acesso em: 10 ago. 2023.

CABRAL, Anderson Ricardo Yanzer. Implantação de um escritório de projetos de inovação e desenvolvimento local em um instituto federal de educação, ciência e tecnologia. Revista Inovação, Projetos e Tecnologias, 10(1), 106–122. Disponível em: https://doi.org/10.5585/iptec.v10i1.21499. Acesso em: 25 ago. 2023.

CNI – CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA. O que é inovação? Disponível em: https://www.portaldaindustria.com.br/industria-de-a-z/inovacao/. Site da Internet. Sem data/Sd.

GUERRA, Elaine Linhares de Assis. Manual de pesquisa qualitativa. Belo Horizonte: Centro Universitário UMA, 2014.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. 8ª. ed. São Paulo: Atlas, 2017

LIMA, Joelma dos Santos1; RUZENE, D enise Santos; SILVA, Daniel Pereira. Inovação Tecnológica e Sua Função Social. Anais do VII Simpósio de Engenharia de Produção de Sergipe, 2015. Disponível em: https://ri.ufs.br/bitstream/riufs/7831/2/InovacaoTecnologicaFuncaoSocial.pdf. Acesso em: 11 set. 2023.

LIRA, Maria Gomes da Conceição. O papel dos Institutos Federais no Sistema Nacional de Inovação: análise da contribuição de um modelo de gestão. Dissertação de Mestrado em Administração. Universidade Federal da Bahia, 2017.

LOUREIRO, Rodrigo Nogueira Albert. A gestão da propriedade intelectual nos Institutos Federais: ações para construção de uma cultura de propriedade intelectual no âmbito do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco. Dissertação de Mestrado em Ciência da Propriedade Intelectual. Universidade Federal de Sergipe, 2016. Disponível em: https://ri.ufs.br/bitstream/riufs/3415/1/RODRIGO_NOGUEIRA_ALBERT_LOUREIRO.pdf. Acesso em 30 ago. 2023.

MARTINS, Viviane. O que é inovação tecnológica? Disponível em: https://platzi.com.br/blog/inovacao-tecnologica/. Site da Internet. 2022.

MEDEIROS, Wagner Cavalcante. Uma análise sobre as ações de incentivo à inovação tecnológica no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais: dificuldades e avanços. 2022. Dissertação de Mestrado em Administração pela UFBA-Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2022. Disponível em: https://repositorio.ufba.br/bitstream/ri/37064/1/Wagner%20Cavalcante%20Medeiros.pdf. Acesso em 02 set. 2023.

MELO, José Nilton de; SILVA, Gabriel Francisco da.; SANTANA, José Ricardo de. Os Institutos Federais de Educação e o Sistema Nacional de Inovação: a infraestrutura acadêmica de pesquisa como contribuição ao processo de inovação nacional. R. Tecnol. Soc., Curitiba, v. 15, n. 37, p. 226-245, jul/set. 2019. Disponível em: https://periodicos.utfpr.edu.br/rts/article/view/8449. Acesso em: 17 set. 2023.

PACHECO, Eliezer. Institutos Federais: uma revolução na educação profissional e tecnológica. São Paulo: Moderna, 2011.

PERUCCHI, Valmira.; MUELLER, Suzana. Produção de conhecimento científico e tecnológico nos institutos federais de educação, ciência e tecnologia: uma investigação sobre a sua natureza e aplicação. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 21, n. 1, p. 134-151, 2016. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/36540. Acesso em: 16 set. 2023.

RIGHETTI, Sabine; PALLONE, Simone. Consolidando também o conceito de inovação tecnológica. Inovação Uniemp, Campinas, v. 3, n. 4, ago. 2007. Disponível em http://inovacao.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-23942007000400014&lng=pt&nrm=is. Acesso em: 12 set. 2023.

RODRIGUES, Flávia Couto Ruback; GAVA, Rodrigo. Capacidade de apoio à inovação dos Institutos Federais e das Universidades Federais no estado de Minas Gerais: um estudo comparativo. Revista Eletrônica De Administração, 2016, 22(1), 26–51. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/54453. Acesso em: 24 ago. 2023.SANTOS, João Paulo; PEREIRA, Jonas Marques. Gestão da inovação em Universidades e Institutos Federais do nordeste: reflexos da adesão ao programa de mestrado em propriedade intelectual PROFNIT. R. Gest. Anál., Fortaleza, v. 11, n. 3, p. 25-38, set./dez. 2022. Disponível em: https://periodicos.unichristus.edu.br/gestao/article/view/4337/1614. Acesso em: 14 set. 2023.

SILVA, Fernanda Gislene; RIBEIRO, Juliane de Almeida; BARROS, Francis Marcean Bezerra. Mapeamento da atuação dos Núcleos de Inovação Tecnológica dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia dos estados de Minas Gerais e Espírito San-to. RASI, Volta Redonda/RJ, v. 5, n. 2, pp. 180-197,mai./ago. 2019. Disponível em: https://www.rasi.vr.uff.br/index.php/rasi/article/view/344/78. Acesso em: 11 ago. 2023.

SILVA, Carlos Henrique R. Tomé. Ciência, Tecnologia e Inovação. Texto da Consulto-ria do Senado Federal, 2010. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/publicacoes/estudos-legislativos/tipos-de-estudos/outras-publicacoes/temas-e-agendas-para-o-desenvolvimento-sustentavel/ciencia-tecnologia-e-inovacao. Acesso em: 17 set. 2023.

TÁVORA, Luciana et al. Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia e o apoio à inovação tecnológica: análises e recomendações. Anais do VI Congresso Latino-Iberoamericano de Gestão da Tecnologia, 2015, p. 1-17. Disponível em: https://repositorio.altecasociacion.org/bitstream/handle/20.500.13048/1378/259.885.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 11 set. 2013.

THAMARA, Ariel. Inovação Tecnológica: diferencial ou sobrevivência? Saiba tudo sobre o assunto. Disponível em: https://www.dtidigital.com.br/blog/inovacao-tecnologica. Site da internet. 2022.

VIEIRA, Josimar de Aparecido; LEITE, Amanda Regina; KUHN, Adele Stein. Perspectivas da produção de pesquisa aplicada, inovação e desenvolvimento científico e tecnológico nos Institutos Federais. Revista Valore, Volta Redonda, 8, e-8024, 2023. Disponível em: https://revistavalore.emnuvens.com.br/valore/article/view/1344/1055. Acesso em: 14 set. 2023.

Published

2024-01-17

How to Cite

Monteiro, A. F. V., dos Santos, E. N., & Teles, T. R. (2024). A inovação tecnológica nos Institutos Federais: a proposta de uma ferramenta diagnóstica do nível de fomento à inovação e ao empreendedorismo na educação profissional. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 22(1), 1033–1055. https://doi.org/10.55905/oelv22n1-056

Issue

Section

Articles