Adhesion of federal institutions of higher education to a3p

Authors

  • Kézya Lourenço Barbosa
  • Fabricia Benda de Oliveira
  • Kargean Vianna Barbosa
  • Carlos Henrique Rodrigues de Oliveira
  • Jacyelli Sgranci Angelos

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv21n12-199

Keywords:

conditional renderization, sustainable reach, geographic information system

Abstract

The Environmental Agenda in Public Administration (A3P) is a program of the Ministry of the Environment to promote sustainable practices. Considering the importance of Federal Higher Education Institutions (IFES) in the training of professionals and in the construction of citizenship, it is necessary to verify their socio-environmental commitments. Objective: to identify IFES 'adhesions to A3P and their representativeness by state. Develop an index to quantify the sustainable influence of these institutions. Method: A survey of Brazilian IFES was carried out, classifying them, according to adhesion to A3P (total, partial or absent). And, based on the number of IFES and population by state, an index was created to define their socio-environmental impact. Results: The results were presented through thematic maps, using conditional renderization. The state of Rio Grande do Norte stood out with 67% of adhesion, followed by Acre, Amazonas, Santa Catarina, Sergipe, Tocantins (50%), Pernambuco (40%) and Goiás (33%). In Southeast region, no IFES obtained total adhesion. Regarding sustainable reach (index), the state of Tocantins presented better results, accompanied by Rio Grande do Norte, Santa Catarina and Acre. One of the main factors that influenced the value of sustainable reach was campus / population ratio, realizing that the Gross Domestic Product (GDP) behaves in an inversely proportional manner. Conclusion: IFES sustainability index can support the planning of public policies, since, when considering demographic, socioeconomic (GDP) parameters and reference to A3P, it allowed to outline the reality of each federative unit. Originality: This study shows the profile of the socio-environmental impact of IFES in Brazil.

References

Brasil. Ministério da Educação. A democratização e expansão da educação superior no país 2003 – 2014. 2014. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=16762-balanco-social-sesu-2003-2014&Itemid=30192>. Acesso em: 01 jul. 2017.

______. Ministério da Educação. Sistema e-MEC: Instituições de Educação Superior e Cursos Cadastrados. 2017a. Disponível em: <http://emec.mec.gov.br/emec/nova>. Acesso em: 01 ago. 2017.

Brasil. Ministério do Meio Ambiente. Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P): Eixos Temáticos. 2017b. Disponível em: <http://mma.gov.br/responsabilidade-socioambiental/a3p/eixos-tematicos>. Acesso em: 01 jul. 2017.

______. Ministério do Meio Ambiente. Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P): Rede A3P. 2017c. Disponível em: <http://mma.gov.br/responsabilidade-socioambiental/a3p/rede-a3p>. Acesso em: 01 jul. 2017.

______. Ministério do Meio Ambiente. Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P): Instituições Parceiras. 2017d. Disponível em: <http://mma.gov.br/responsabilidade-socioambiental/a3p/parceiros>. Acesso em: 01 ago. 2017.

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Instituto Brasileiro de Geogra-fia e Estatística – IBGE. Contas regionais do Brasil: 2010-2013 / IBGE. Coordenação de Contas Nacionais. Rio de Janeiro: IBGE, 2015. Disponível em: <https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv95014.pdf>. Acesso em: 10 ago. 2017.

Camelo, G. L. P.; Monteiro, M. O. Agenda Ambiental na Administração Pública - A3P nos campi do IFRN: um olhar a partir dos gestores. EmpíricaBR - Revista Brasileira de Gestão, Negócio e Tecnologia da Informação, Rio Grande do Norte, v. 1, n. 1, p. 26-42, 2015.

Cavalcante, M. L. S. A. Administração Pública e Agenda Ambiental – A3P - Conside-rações sobre a implementação nos órgãos públicos. Revista Controle - doutrinas e arti-gos, Ceará, v. 10, n. 1, p. 193-216, 2012.

Figueiredo Filho, D. B.; Junior, J. A. S. Desvendando os Mistérios do Coeficiente de Correlação de Pearson (r). Revista Política Hoje, Recife, v. 18, n. 1, 2009.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo, 2010. 2017a. Disponível em: <http://censo2010.ibge.gov.br/>. Acesso em: 10 jul. 2017.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Geociências. 2017b. Disponível em: <http://downloads.ibge.gov.br/downloads_geociencias.htm>. Acesso em: 10 jul. 2017.

Kruger, S. D.; Freitas, C. L. de; Pfitscher, E. D.; Petri, S. M. Gestão ambiental em insti-tuição de ensino superior: uma análise da aderência de uma instituição de ensino superior comunitária aos objetivos da agenda ambiental na administração pública (A3P). Revista Gestão Universitária na América Latina-GUAL, Florianópolis, v. 4, n. 3, p. 44-62, 2011.

Mendonça, B. A. Diagnóstico para implantação de um sistema de gestão ambiental em uma instituição federal de ensino. 2015. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-graduação em Gestão de Organizações e Sistemas Públicos, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos-SP.

Santos, J. C. M. Desafios da implementação da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P): o caso da Pernambuco participações e investimentos S/A. Revista Ges-tão & Sustentabilidade Ambiental, Florianópolis, v. 6, n. 2, p. 133 - 153, 2017.

Sgarbi, M.; Schlosser, R. T.; Campani, D. B. Implantação do sistema de gestão ambien-tal em uma universidade pública. AUGMDOMUS, La Plata, v. 5, p. 120-140, 2013.

Scheidegger, E.; Carneiro, T. C. J.; Araujo, C. A. S. Impactos do sistema de informação geográfica na administração pública municipal. Revista Gestão & Tecnologia, Pedro Leopoldo, v. 13, n. 1, p. 3-21, 2013.

Tauchen, J.; Brandli, L. L. A gestão ambiental em instituições de ensino superior: mode-lo para implantação em campus universitário. Gestão & Produção, São Carlos, v

Viegas, S. F. S. S.; Cabral, E. R.; Gomes, S. C.; Carvalho, André Cutrim. Agenda Am-biental na Administração Pública A3P: estudo da adesão e ação em uma universidade pública. Rev. AOS-Amazônia, Organizações e Sustentabilidade, Belém, v. 4, n.2, p. 7-28, 2015.

Downloads

Published

2023-12-26

How to Cite

Barbosa, K. L., de Oliveira, F. B., Barbosa, K. V., de Oliveira, C. H. R., & Angelos, J. S. (2023). Adhesion of federal institutions of higher education to a3p. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 21(12), 27172–27191. https://doi.org/10.55905/oelv21n12-199

Issue

Section

Articles