Ecologia humana: uma relação com ensino-aprendizagem dos estudantes com deficiência

Authors

  • Maria de Fátima Bela Pina
  • Sérgio Luiz Malta de Azevedo
  • Maria do Socorro Pereira de Almeida

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv21n11-039

Keywords:

ecologia humana, educação inclusiva, ensino-aprendizagem

Abstract

Considerando que a ecologia humana é a relação do homem com o meio em que vive no contexto social, cultural, econômico e psicológico, é importante discutir a realidade das escolas quanto ao direito de escolarização da pessoa com deficiência. Para tanto, utilizou-se como recurso metodológico a pesquisa qualitativa de cunho bibliográfico, objetivando analisar o processo inclusivo de ensino-aprendizagem em 2 (duas) escolas municipais na rede de ensino de Ibipitanga/BA, sob o olhar da EH, no âmbito da política nacional de educação especial e inclusiva. Foi feito um percurso histórico sobre a pessoa com deficiência através de um levantamento de teses e dissertações que abordam o tema. A coleta de dados foi realizada em bases de dados eletrônicos, busca telemática, periódicos indexados, no Portal de Periódicos da Capes, SciELO (ScientificElectronic Library Online) e Google Acadêmico. Os resultados endossam a relevância da Ecologia Humana na vida social e educacional desses cidadãos, que devem viver de forma saudável consigo mesmo, com os outros e em qualquer ambiente.

References

ALVIM, Ronaldo Gomes, e MARQUES, Juracy. Raízes da Ecologia Humana. Paulo Afonso: SABEH, 2017.

BEGOSSI, A. Ecologia Humana: um enfoque das relações homem-ambiente. Interciência 18(3): 121-132, 1993.

BRASIL, Constituição da República Federativa do Brasil.1988. Brasília: DOU de 05/10/1988 (nº 191-A, Seção I, p. 1).

BRASIL, Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Diretrizes Nacionais para a Educação Especial na Educação Básica. Brasília: MEC/SEESP, 2001.

BRASIL. Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília: MEC/SEESP, 2008a. ______. Decreto nº 6.571, de 17 de setembro de 2008.

BRASIL, Lei Nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoacom Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Diário Oficial da União, 7 jul. 2015.

BRASIL, Lei nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L10098.htm Acesso em: 08 de abril de 2016.

BRASIL, Presidência da República. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. 2014. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2014/lei/l13005.htm.

BRASIL, Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, Lei n°. 9394, de 20 de dezembro de 1996.

BRASIL, Lei nº 8069/1990. Estatuto da Criança e do Adolescente. Brasília, DF. 1990.

CARVALHO-FREITAS, Maria Nivalda de E MARQUES, Antônio Luiz. A diversidade através da história: a inserção no trabalho de pessoas com deficiência.Organ. Soc. [online] Vol. 14, 2007.

SILVA, Otto Marques da. A epopeia ignorada: a pessoa deficiente na história do mundo de ontem e de hoje. São Paulo: CEDAS, 1986.

MAGALHÃES, Rita de Cássia B. P.; CARDOSO, Ana Paula L.B. Educação Especial e Educação Inclusiva: conceitos e políticas educacionais. In MANTOAN, Maria Teresa Eglér.Inclusão escolar: o que é? Por quê? Como fazer? São Paulo: Moderna, 2003.

MARQUES, Juracy. Ecologias Humanas. (org.). Ecologia Humana no Brasil. Feira de Santana-BA - UEFS, 2014. 462 p. il.

MORAN, Emílio F. A Ecologia Humana das Populações da Amazônia. Rio de Janeiro: Vozes, 1990.

PESSOTTI, I. Deficiência mental: da superstição à ciência. São Paulo: EDUSP,1984. 204p.

PINO, A. S. As marcas do humano. Às origens da constituição cultural da criança na perspectiva de Lev S. Vigotski. São Paulo: Cortez, 2005.

SASSAKI, Romeu Kazumi. Inclusão: construindo uma sociedade para todos. 4 ed. Rio de Janeiro: WVA, 2002.

SASSAKI, R. K. Entrevista. In: Revista Integração, Brasília, v 8, n. 20, p. 8-10, ago. 1998.

SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 10. ed. rev. Campinas: Autores Associados, 2008, 137p.

STAINBACK S.; STAINBACK W. Inclusão: Um guia para Educadores. Porto Alegre: Artmed, 1999.

UNESCO, Declaração de Salamanca e linha de ação sobre necessidades educativas especiais. Brasília, CORDE, 1994.

Published

2023-11-07

How to Cite

Pina, M. de F. B., de Azevedo, S. L. M., & de Almeida, M. do S. P. (2023). Ecologia humana: uma relação com ensino-aprendizagem dos estudantes com deficiência. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 21(11), 19313–19333. https://doi.org/10.55905/oelv21n11-039

Issue

Section

Articles

Most read articles by the same author(s)