Melhoria do beneficiamento de caulim do seridó com uso do classificador hidrociclone

Authors

  • Kayrone Marvila de Almeida
  • Francisco Wilson Hollanda Vidal
  • Nuria Fernández Castro

DOI:

https://doi.org/10.55905/oelv21n12-019

Keywords:

tecnologia mineral, beneficiamento de minério, caulim

Abstract

O caulim é uma rocha constituída essencialmente de caulinita. Ele possui ampla aplicação na indústria de cerâmica branca, plástico, tintas, refratários e papel. A região do Seridó, situada no Nordeste brasileiro, nos estados da Paraíba e do Rio Grande do Norte, é conhecida por sua grande reserva de caulim e seus processos de extração e beneficiamento. O processamento de caulim gera, anualmente, em torno de 15 mil toneladas de resíduos. Estima-se que apenas 25% do minério extraído é aproveitado. O restante do material vira resíduo no qual é depositado ao redor das empresas sem nenhum controle ambiental. O baixo aproveitamento indica que a planta de beneficiamento utilizada por empresas da região não possui boa eficiência. Assim, com o objetivo de melhorar o beneficiamento de caulim, projetou-se uma planta piloto acrescentando o processo de hidrociclonagem. O beneficiamento com o hidrociclone contribuiu para melhor classificar o caulim ROM (run of mine) coletado. O resultado da primeira etapa de hidrociclonagem mostrou uma recuperação significativa no overflow. O underflow, também da primeira etapa, mostrou ainda a presença de caulim, motivo pelo qual foi adicionada uma segunda etapa de hidrociclonagem para aumentar a eficiência de classificação. O ensaio piloto executado resultou numa recuperação em massa de 34,28%. Esse valor refere-se a todo o processamento do material ROM que foi desagregado, peneirado e passado pela hidrociclonagem. A planta de beneficiamento proposta apresentou melhores resultados que o modelo convencional feito por empresas da região do Seridó. As análises químicas e os ensaios de alvura apresentaram valores compatíveis com os do caulim utilizado na indústria. Assim, o estudo mostrou uma alternativa viável para melhorar a recuperação do caulim e colaborar com a redução do resíduo gerado.

References

ALMEIDA, K. M.; VIDAL, F. W. H.; CASTRO, N. F. Estudo de caracterização e beneficiamento de resíduo de caulim. In: IV SIMPÓSIO DE MINERAIS INDUSTRIAIS DO NORDESTE, 4., João Pessoa, PB. Anais do IV Simpósio de Minerais Industriais do Nordeste. João Pessoa: CETEM, 2016. p.553-561.

ANM - Agência Nacional de Mineração. Anuário Mineral Brasileiro: 2016 a 2021. Brasília: ANM. 2022.

BRASIL. Lei nº. 12.305, de 2 de agosto de 2010. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2010/Lei/L12305.htm>. Acesso em: 21 de janeiro de 2023.

CORREIA, J. C. G. Classificação e Peneiramento. In: LUZ, A. B.; SAMPAIO, J. A.; FRANÇA, S. C. A. Tratamento de Minérios. 5 ed. Rio de Janeiro, RJ, Brasil: Centro de Tecnologia Mineral/CETEM/MCTI, 2010, p. 257-296.

LUZ, A. B.; CAMPOS, A. R.; CARVALHO, E. A.; BERTOLINO, L. C.; SCORZELLI, R. B. Argila - caulim. IN: Rochas e Minerais Industriais no Brasil: usos e especificações. 2.ed. Rio de Janeiro: CETEM/MCTI, 2008. p. 2559-294.

LUZ, A. B.; CHAVES, A. P. Tecnologia do Caulim: ênfase na indústria de papel, 72p., Série Rochas e Minerais Industriais. Rio de Janeiro, RJ, Brasil: Centro de Tecnologia Mineral, 2000. p. 18.

REZENDE, M. L. S.; MENEZES, R. R.; NEVES, G. A.; NASCIMENTO, J. W. B.; LEAL, A. F. Utilização do resíduo de caulim em blocos de vedação. Revista Escola de Minas, Ouro Preto, v. 61, n. 3, p. 285-290, 2008.

SANTOS, E. J.; FERREIRA, C. A.; SILVA Jr., J. M. F. (Org.). Geologia e recursos minerais do estado da Paraíba. Recife: CPRM, 2002.

SILVA, B. I. C. O beneficiamento de caulim no distrito Barra de Juazeirinho – PB: análise de uma atividade econômica com reflexos ambientais. 2013. Monografia (Graduação em Licenciatura plena em Geografia) - Universidade Federal da Paraíba, Campina Grande, PB, 2013.

SILVA, F. A. N. G.; MELLO, L. S.; SAMPAIO, J. A.; LUZ, A. B.; TEIXEIRA, F. S. Caracterização e beneficiamento físico-químico do caulim da região BorboremaSeridó. In: II SIMPÓSIO DE MINERAIS INDUSTRIAIS DO NORDESTE, 2, 2010, Campina Grande, PB. 2010. Anais do II Simpósio de Minerais Industriais do Nordeste. Campina Grande: CETEM, 2010. p. 71-82.

SILVA, F. A. N. G.; BERTOLINO, L. C.; LUZ, A. B. Estudo de beneficiamento do rejeito de caulim da região do Seridó. In: II SIMPÓSIO DE MINERAIS INDUSTRIAIS DO NORDESTE, 2, Campina Grande, PB, 2010. Anais do II Simpósio de Minerais Industriais do Nordeste. Campina Grande: CETEM/UFPE, 2010. p. 91-98.

SOUSA, J. F.; MATTOS, I. C.; LIMA, M. A. B.; MEDEIROS, M. F. Minerais de Argila. In: VIDAL, F. W. H.; SALES, F. A. C. B.; ROBERTO, F. A. C.; SOUZA, J. F.; MATTOS, I. C. Rochas e Minerais Industriais do Estado do Ceará. 1 ed. Fortaleza , CE, Brasil: CETEM/ UECE/ DNPM/ FUNCAP/ SENAI, 2005, p. 83 -94.

VIDAL, F.W.H.; SANTOS, C. A. M.; ALMEIDA, K. M.; CASTRO, N. F. Melhorias no processo de beneficiamento do caulim do Seridó Paraibano. Relatório Técnico elaborado para o Programa Entidades Associadas CETEM-UFCG (RRM 0040- 00-17). CETEM, Rio de Janeiro. 2017.

Published

2023-12-04

How to Cite

de Almeida, K. M., Vidal, F. W. H., & Castro, N. F. (2023). Melhoria do beneficiamento de caulim do seridó com uso do classificador hidrociclone. OBSERVATÓRIO DE LA ECONOMÍA LATINOAMERICANA, 21(12), 23810–23825. https://doi.org/10.55905/oelv21n12-019

Issue

Section

Articles

Most read articles by the same author(s)